Deputado de MT critica cacique por querer barrar a Ferrogrão; desserviço
Fonte: Da Redação 29/03/2024 ás 12:56:23 230 visualizações

O deputado federal Coronel Assis (Republicanos) rechaçou o pedido do cacique Raoni Metuktire para barrar a construção da Ferrogrão. O líder indígena fez a solicitação em encontro com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o presidente da França, Emmanuel Macron, na Amazônia, na última terça-feira (26).

“A Ferrogrão é uma ferrovia que sairá de Sinop, em Mato Grosso, e irá até o porto de Miritituba, no Pará. Ela é um dos grandes eixos do escoamento da produção brasileira. A ferrovia é essencial para colocar nosso produto em um patamar ainda mais competitivo mundialmente. Esse pedido público, a dois presidentes, é um desserviço à nação brasileira”, criticou Coronel Assis.

O deputado federal também reforçou que Raoni não tem nenhum embasamento científico para fazer tal pedido. “É um querer ideológico baseado em um achismo dele que não reflete no que o Brasil precisa. O que nosso país precisa é de uma infraestrutura logística cada vez melhor e mais potente. Não podemos nos apegar a achismos, parece ser uma vontade que nosso país não cresça, não evolua. É um verdadeiro absurdo. É ficar no passado”.


 


Para Coronel Assis, o que Raoni quer nada mais é que impedir o Brasil de prosperar e se desenvolver ainda mais.


 


“Impedir o progresso é acabar com o Brasil. Somos pró Ferrogrão, somos pró Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (FICO) e pró Ferronorte. Inclusive, em Mato Grosso, meu Estado, teremos muito em breve a Ferronorte, primeira ferrovia estadual do Brasil, saindo de Rondonópolis e chegando até Lucas do Rio Verde. Somos o progresso, queremos o progresso. Diferente de quem só atrasa nosso país”.

Enviar um comentário
Comentários
Mais notícias