Abilio alfineta Emanuel e cita operações da PF contra ex-secretário da Saúde
Fonte: Da Redação 08/04/2024 ás 17:33:06 902 visualizações

O pré-candidato à Prefeitura de Cuiabá, Abilio Brunini (PL), alfinetou a gestão Emanuel Pinheiro (MDB) e mencionou as operações da Polícia Federal contra o ex-secretário Municipal de Saúde, Célio Rodrigues, em ato na Praça 8 de Abril, nesta segunda-feira (8). Ao lado do ex-presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (PL), Abilio fez críticas a infraestrutura da cidade e ao loteamento das secretarias para obter apoio de partidos nas eleições. 

"Nós podemos entregar uma gestão honesta, livre de corrupção, uma gestão que a Polícia Federal não vá na casa do secretário a cada três meses", falou Abilio Brunini. 

O pré-candidato fez um breve panorama das conjecturas às municipais. Contra a chapa do PL, dois grupos têm ficado lado a lado de Abilio nas pesquisas: o presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (UB), aposta do governador Mauro Mendes (UB); e o deputado estadual Ludio Cabral (PT), escolha da sigla do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ao seu favor, Abilio tem o fato de Bolsonaro ter vencido nas eleições de 2022 em Cuiabá e são esses votos que ele tenta absorver. 

"Nessa cidade, o Bolsonaro ganhou. Isso é motivo de comemoração. Presidente, as pessoas estão dizendo que vai ser muito difícil essa eleição. As pessoas estão dizendo que do lado de lá, pegaram todos os partidos. As pessoas estão dizendo que do lado de lá está o governo, AL, prefeitura e até a presidência com Lula. Do lado de lá está todo mundo contra nós", disse Abilio Brunini. 

Bolsonaro o respondeu com otimismo, cravando a "conversão" do apoio das siglas ao seu pré-candidato.

"Quando as eleições se acabatem, o lado de lá vai estar do nosso lado", afirmou Bolsonaro. 

"Nós temos todas as possibilidades do mundo de mudar Cuiabá, de resolver a Saúde e a pavimentação asfáltica. Nós temos todas as condições de fazer isso sem lotear a Prefeitura. Sem passar secretaria para partido político", emendou Abilio.

Enviar um comentário
Comentários
Mais notícias