POLÍCIA ▸ NO NORTÃO

Suspeito de matar desafeto com 9 tiros é baleado na cabeça em ação da Polícia Civil no interior

Diligências para capturar os suspeitos de terem matado Weverton dos Santos Alves, o ‘Cabelo de Bruxa’, na terça-feira (27), em Alta Floresta (800 km ao Norte de Cuiabá), resultou na prisão de dois homens na noite de quinta-feira (29), em Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá) e deixou outro suspeito baleado na cabeça.

De acordo com as informações, Polícia Civil estava em diligência e monitorando dois suspeitos do crime, que fugiram da cidade onde o homicídio ocorreu, passaram por Lucas do Rio Verde e estavam em Sinop.

Denúncia levou os investigadores até a Comunidade Complexo, em uma casa de esquina, com o objetivo de cumprir os mandados de prisão. Mas, quando deram voz de prisão aos suspeitos, um deles começou a fugir pela rua.

Mesmo com ordens de parada, o suspeito seguiu correndo, sendo necessário o disparo de arma não letal, o que não intimidou o criminoso, que ainda tentou sacar uma arma que estava em sua cintura.

Momento em que os agentes dispararam outro tiro, dessa vez de arma de fogo, mas em direção ao solo. O tiro teria ricocheteado e atingido a cabeça do suspeito.

Ferido, foi socorrido e encaminhado para uma unidade de saúde, onde ficou internado para atendimento médico. Foi observado que ele estava com um revólver calibre 32 na cintura com 3 munições.

Na casa, o outro suspeito do homicídio teve o mandado de prisão cumprido, além do flagrante de outro homem por ter ajudado a dupla durante a fuga.

Comentários