POLÍCIA ▸ MISTÉRIO

Suspeito de liderar grupo de extermínio é baleado na cidade de Poconé

O empresário Vanderlei Marcelo de Lima, 44 anos, sofreu uma tentativa de homicídio na manhã desta terça-feira (17.09) na estrada do Cumbaru, em Poconé (104 km de Cuiabá).

Marcelo contou aos militares que desceu para abrir a porteira de sua fazenda quando ouviu um disparo de arma de fogo. Ele correu para o veículo em direção a cidade, quando percebeu que estava ferido.

Ele foi até o Pronto Atendimento Médico (PAM) do município, com um projétil no abdômen. Ele recebeu atendimento e foi encaminhado para Cuiabá.

Prisão: Vanderlei é acusado de liderar um bando de extermínio que atuava em Poconé, responsável por pelo menos sete mortes no município.

De acordo com as investigações, o empresário fazia “vaquinha” com outros comerciantes para arrecadar dinheiro e pagar os pistoleiros contratados para exterminar as vítimas.

Ele e os acusados de integrarem o banco foram presos após os assassinatos do adolescente Gilvan Gilberto Silva da Costa, 15 anos, e da prima dele, Luzia Mariângela da Silva, 28. Os 2 foram executados a tiros, após saírem do fórum da cidade, mas por engano.

O suspeito foi solto em 10 de abril deste ano, segundo decisão da 1° Instância do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ/MT).

Comentários