POLÍTICA ▸ TRABALHO

Senador Jaime avisa que medidas de Mauro tiraram Mato Grosso da falência

O senador Jayme Campos afirmou que já nos primeiros 10 meses a atual gestão do Governo de Mato Grosso caminha com passos firmes ao encontro do equilíbrio fiscal. De acordo com ele, as medidas adotadas pelo governo no início deste ano já mostram que 2020 será um ano com perspectivas melhores.

A defesa do senador foi feita durante o encontro com prefeitos, prefeitas e primeiras-damas, promovido pela primeira-dama Virginia Mendes e pelo governador Mauro Mendes, na segunda-feira (18.11), no Palácio Paiaguás.

“O governador Mauro Mendes assumiu o Estado com muita dificuldade. Nesse ano de 2019, ele assumiu fazendo o dever de casa, ou seja, buscando o equilíbrio fiscal de Mato Grosso. Pois, lamentavelmente, o déficit era acima da média nacional. O Mauro de forma muito zelosa e competente, e aqui temos que reconhecer o seu trabalho, está conseguindo colocar as contas em ordem, com muitos avanços nesse ano de 2019. E para o ano que vem as perspectiva são bem melhores”, disse Campos.

Ao analisar toda a realidade de Mato Grosso, Jayme Campos destacou que era "óbvia e evidente" a necessidade de tomar algumas medidas amargas, "contrariando até mesmo alguns segmentos da sociedade, como o comercial e o setor empresarial do nosso Estado”.

“O Mauro teve a coragem, e muito pouco se coloca, de ser sincero. Fiz uma indagação a ele e ao Pivetta [vice-governador Otaviano Pivetta], qual o milagre que eles iriam oferecer na medida em que o Estado estava quase falido. Eu disse que ele teria que tomar algumas medidas que não seriam simpáticas, mas eram necessárias”, lembrou, acrescentando que as "medidas amargas foram tomadas”.

“Se fosse qualquer outro cidadão fraco estaríamos literalmente falidos”, destacou.

Ainda na avaliação de Jayme, o cenário é otimista para 2020. “Tenho a certeza que para o ano que vem as coisas irão melhorar ainda mais”, finalizou o senador.

Comentários