MUNDO ▸ ELEIÇÕES

Secretária de Relações Exteriores Liz Truss entra na corrida para ser premiê britânica

A secretária de Relações Exteriores do Reino Unido, Liz Truss, entrou na corrida para substituir Boris Johnson como primeiro-ministro nesta segunda-feira (11), elevando para 11 o número de candidatos em uma disputa cada vez mais amarga e imprevisível.

Truss, que ocupou cargos ministeriais em vários departamentos do governo, incluindo comércio, justiça e tesouro, disse que reduziria impostos e manteria uma linha dura contra o presidente russo, Vladimir Putin.

Johnson foi forçado a renunciar na quinta-feira passada depois que seu governo implodiu devido a uma série de escândalos.

A disputa é pela liderança do governista Partido Conservador, com o vencedor tornando-se então primeiro-ministro. O objetivo é encontrar um sucessor até setembro.

"Vou liderar um governo comprometido com os princípios conservadores fundamentais: impostos baixos, controle firme dos gastos, impulsionar o crescimento da economia e dar às pessoas a oportunidade de alcançar tudo o que quiserem", disse ela em um vídeo de campanha.
A disputa segue um dos períodos mais marcantes da história política britânica moderna, quando mais de 50 ministros do governo renunciaram, criticando caráter, integridade e incapacidade de Johnson de dizer a verdade.

Com muitos parlamentares descontentes com a permanência de Johnson no cargo até que um sucessor seja encontrado, o partido provavelmente acelerará o processo.

A questão dos cortes de impostos estava rapidamente se tornando a batalha central da disputa, com quase todos os candidatos prometendo cortar impostos para empresas ou pessoas físicas.

Confira a lista dos candidatos ao cargo até o momento:

Kemi Badenoch
Suella Braverman
Rehman Chishti
Jeremy Hunt
Sajid Javid
Penny Mordaunt
Grant Shapps
Rishi Sunak
Liz Truss
Tom Tugendhat
Nadhim Zahawi
Priti Patel

Comentários