ECONOMIA ▸ GASTRONOMIA

Produtores de gengibre aproveitam demanda maior durante as festas juninas

Muito utilizado em diferentes pratos na gastronomia, ainda mais nesta época do ano, o gengibre aparece com um sabor picante no preparo do quentão, bebida tradicional das festas juninas. O aumento da procura é sempre uma boa notícia para produtores de Tapiraí (SP), do sudeste do estado.

Cleberson Milton tem uma plantação que ocupa quatro hectares. Ele conta que a previsão é colher em torno de 200 toneladas nessa colheita, o que dá umas dez mil caixas.

E nem o tempo carregado impede o trabalho de arrancar o gengibre. A estratégia do Cleberson é colher 10 % da área e deixar o restante para o momento em que o preço melhorar. Hoje, uma caixa de 20 kg sai a R$ 35, mas o ideal seria vender a R$ 50.

O mercado não anda fácil, ainda mais com o atual custo dos insumos e com os ataques de doenças causadas por fungos e bactérias presentes no solo.

Comentários