POLÍTICA ▸ ELEIÇÕES

Prefeito Emanuel Pinheiro descarta primeira dama na Assembléia de MT: pode até não disputar nada

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), descartou a possibilidade de a esposa e primeira- dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro (PV), ser candidata a uma vaga na Assembleia Legislativa nas eleições deste ano, por avaliar que é prejudicial ao projeto do filho, o deputado federal e candidato à reeleição Emanuelzinho (MDB).

A declaração foi dada na noite de segunda-feira (20), durante ianuguração de um posto de saúde no bairro Parque Cuiabá.

"Uma candidatura à Assembleia Legislativa neste momento prejudicaria o projeto de reeleição do Emanuelzinho à Câmara dos Deputados. Entraria em rota de colisão com os apoiadores do Emanuelzinho, que tem feito um bom trabalho em Brasília", pontuou.

Ainda assim, o prefeito diz que a esposa tem sido estimulada a entrar na política por diversos segmentos, mas, também não está descartada a possibilidade de permanecer fora da disputa eleitoral.

"Tem sido convocada e lembrada para a disputa a governador, Senado, suplência, vice-governadora. Mas, também pode não ser candidata a nada e continuar colaborando com a população, como tem feito brilhantemente na área social", concluiu.

Comentários