POLÍCIA ▸ ESTUPRADOR

Polícia Civil descobre segunda vítima de estuprador e suspeita de crime em série

As investigações da Polícia Judiciária Civil (PJC) de Sorriso (400 km da Capital), durante a tarde dessa terça-feira (26), descobriram que o servente de pedreiro Dhemison Rodrigues de Oliveira, de 21 anos, que confessou ter estuprado uma jovem de 26 anos, na manhã da última sexta-feira (22), já teria feito outra vítima na mesma região.

Não foram informados detalhes sobre esse caso nem quando o crime teria acontecido.

De acordo com o delegado Nilson Farias, responsável pela apuração caso, os investigadores receberam a informação de que o estuprador já teria cometido o crime antes, no mesmo bairro. De posse da identidade da suposta vítima, eles fizeram contato com a mulher e confirmaram as suspeitas.

Ainda segundo o delegado, as investigações adotam a hipótese de estupro em série no município.

A prisão

O estuprador foi preso pelos policiais na manhã dessa terça-feira (26) quando trafegava de motocicleta pela região do crime, caminho que fazia diariamente para ir trabalhar no bairro Rota do Sol.

Os investigadores chegaram até o acusado após receberem um vídeo das câmeras de segurança da região que flagraram o acusado, até então suspeito, trafegando de moto pelo local. Os indícios que apontavam para ele como autor do crime foram as características repassadas pela vítima e o horário.

Em depoimento na delegacia, Dhemison disse estar arrependido e que vai colaborar com a Justiça.

O acusado foi encaminhado à Politec (Perícia Oficial e Identificação Técnica) para colher material genético para exame de DNA e, em seguida, passou por audiência de custódia.

Comentários