POLÍTICA ▸ DIVIDAS

Justiça dá 15 dias para que Wilson quite 5% de dívida contraída nas eleições de 2018 em MT

A juíza Olinda de Quadros Altomare, da 11ª Vara Cível Comarca de Cuiabá, deu 15 dias para que o deputado Wilson Santos (PSD) pague aproximadamente R$ 2.900 à produtora Genius At Work. Valor corresponde a 5% de uma dívida contraída pelo parlamentar junto à empresa durante a campanha eleitoral de 2018. 

Segundo a Genius At Work os serviços, orçados em R$ 58.549,00, foram prestados integralmente, mas a contrapartida não foi cumprida pelo deputado. A inadimplência levou à proposição de Ação Monitória. A produtora cinematrográfica ainda pleiteou Justiça gratuita, em razão da 'crise no mercado audiovisual'. 

Na decisão, a juíza Olinda de Quadros Altomare recebeu a ação e acolhou, também, o pedido de gratuidade. 

"Estando o pedido devidamente instruído com a prova escrita, sem eficácia de título executivo, defiro a expedição do mandado de pagamento, com prazo de 15 (quinze) dias, conforme dispõe o artigo 701 do CPC, para cumprimento e o pagamento de honorários advocatícios de cinco por cento do valor atribuído à causa", escreveu.

Durante o prazo, o deputado Wilson Santos ainda pode oferecer embargos. Caso não haja cumprimento da obrigação ou o oferecimento do recurso, débito pode se converter em título executivo judicial. 

Comentários