CIDADES ▸ LATROCINIO

Justiça condena acusados de matar idoso de 77 anos na cidade de Poconé

Em sentença proferida pela juíza Katia Rodrigues de Oliveira, da Comarca de Poconé, condenou os três réus acusados pela morte do idoso, Felicíssimo de Almeida de 77 anos, morador do bairro João Godofredo em Poconé. Somadas, as penas ultrapassam o total de 60 anos.

O crime ocorreu em outubro do ano passado, os acusados Larissa Cristina de Souza Campos, Giovani Darci da Silva Costa e Jhony Reverthi Galiosan Moraes entraram na residência, roubaram uma quantia de dinheiro e efetuaram dois disparos de arma de fogo contra a vitima.

Vizinhos ouviram os tiros, acionaram a Polícia Militar e o Samu, onde o mesmo foi socorrido e levado até o Pronto Atendimento Médico de Poconé, mas ele não resistiu vindo a óbito.

Força Tática prende três pessoas acusadas de Latrocinio no bairro João Godofredo em Poconé

Giovani Darci da Silva Costa foi condenado em 20 (vinte) anos de reclusão, Jhony Reverthi Galiosan Moraes  em 21 (vinte e um) anos e 8 (oito) meses de reclusão e Larissa Cristina de Souza Campos em 20 (vinte) anos de reclusão.

A magistrada ainda determinou que os réus cumpram a pena em regime fechado, mesmo recorrendo da sentença. “Os réus responderam ao processo no cárcere e com a condenação ficam reforçados os motivos que ensejaram a custódia cautelar, razão pela qual lhe nego o direito de recorreres em liberdade, anotando, ainda, que o crime atenta contra a ordem pública, fustigada pelo avassalador crescimento da violência e criminalidade, da intolerância social, e da necessidade de afastar a descrença na politica de proteção e segurança do Estado e reprimir a pratica do delito”.

Comentários