POLÍTICA ▸ GESTÃO

Jayme critica gestão Taques e elogia Mendes: não tem essa conversa de bobó cheira-cheira

A afinidade entre o governador Mauro Mendes e o senador Jayme Campos, ambos do DEM, durante evento em Várzea Grande na manhã desta terça-feira (30), roubou a cena. Ao lado da prefeita Lucimar Campos, o parlamentar fez questão de relembrar das dificuldades que segundo ele o município enfrentava na gestão anterior, por conta da falta de repasses do Governo do Estado, e destacou que além de manter os pagamentos em dia o atual governador está prestes a quitar a dívida deixada pelo ex-governador Pedro Taques (PSDB).

“O governador restabeleceu os hospitais regionais, estão todos funcionando, estavam praticamente 90% fechados. Vou dar um exemplo, prestem bem atenção, nós não recebíamos recursos aqui do repasse do Governo de Mato Grosso na gestão do ex-governador há quase 8 meses. A prefeita suava a camisa para manter os postos de saúde, o Pronto-Socorro, as UPA’s funcionando. Hoje está em dia, porque além do Mauro Mendes estar pagando o mês que é dele, está pagando o velho”, disparou Jayme Campos.

Cabe destacar que o senador Jayme Campos nunca poupou críticas ao Governo anterior, mas costumava adotar postura mais branda ao falar de Pedro Taques. O distanciamento entre os dois só ficou evidente nas vésperas da campanha, no ano passado, quando o DEM lançou Mauro Mendes ao Paiaguás e rompeu definitivamente com o ex-governador.

Agora, sete meses desde que Pedro Taques deixou o comando do Governo, Jayme utilizou um dos famosos bordões do ex-governador para criticá-lo. “O Governo do senhor não tem essa conversa de enganar, de bobó cheira-cheira. Prometeu vai cumprir”.

Mauro Mendes, que também evita lamuria-se de maneira direta, mencionou o Governo anterior ao citar os avanços na área da saúde. “Todos sabem que pegamos o estado de Mato Grosso quebrado, moído. Só na Saúde, a senhora [Lucimar] é testemunha, Jayme falou aqui de 8 meses de atraso, mas tinha Prefeitura que estava com 11 meses de atraso nos repasses obrigatórios. Esse ano nós estamos literalmente em dia com os 141 municípios e já estamos pagando a dívida que foi deixada pelo outro”, frisou.

“É assim que faz gestão, governador, é trabalhando pelo povo. Porque um gestor público não se realiza pelas suas falas, mas por suas ações. O senhor, Mauro Mendes, tem sido corajoso e feito alguns enfrentamentos àqueles cidadãos que muitas vezes usurpavam do Governo de Mato Grosso e quase nada ofereciam de contrapartida. Esse enfrentamento, é bom que se esclareça, é para criar um novo momento, um novo ambiente, para dar oportunidade”, pontuou Jayme Campos.

Comentários