POLÍCIA ▸ SALVE

Jardineiro foi morto não aceitar namoro de sobrinha com criminoso em Várzea Grande

Um jardineiro de 19 anos recebeu um 'salve' de uma facção criminosa no último domingo (22), no bairro Novo Mato Grosso em Várzea Grande, região metropolitana. O rapaz foi identificado como Matheus Augusto da Silva Correa.

A informação de que ele teria sido espancado por criminosos não foi confirmada pela família. No entanto, testemunhas que estavam no local informaram que Matheus teria se envolvido em uma briga após encontrar a sua sobrinha com um suposto namorado, que é o principal suspeito do homicídio.

A vítima foi socorrida pela irmã, que ficou sabendo por testemunhas que o irmão estava sentindo dores após ser espancado por criminosos em um matagal. Em seguida, ela tentou levá-lo a uma unidade de saúde em uma motocicleta. 

A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas quando os socorristas chegaram ao local, a vítima já estava morta. A provável causa da morte é hemorragia.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Comentários