POLÍCIA ▸ OPERAÇÃO

Homem morre durante operação da Policia Federal para desocupar garimpo ilegal

Um garimpeiro, nome não revelado, morreu durante a desocupação do garimpo ilegal de ouro em Aripuanã (935 km da Capital).

Ação é feita pela Polícia Federal, desde a madrugada desta segunda-feira (07), pela Operação Trype, com o intuito de fechar o garimpo ilegal.

A PF confirmou a morte, mas não explicou as circunstâncias em que teria ocorrido.

Informações preliminares são de que o garimpeiro estava armado e outras armas teriam sido encontradas no barraco dele.

Uma nota com detalhes da ocorrência será emitida em breve.

Há informações de que houve protesto de garimpeiros, que se recusavam a deixar o local, seguido de tumulto.

Garimpo

As investigações apontam que além do  impacto ambiental  na região,  o garimpo ilegal  estaria causando  grande devastação social  no município com aumento do índice de homicídios, tráfico de drogas, prostituição etc.

Cerca  de 160 policiais  e também  de servidores do Ibama e Secretaria Estadual de Meio Ambiente  atuarão   na área   durante toda semana.

Comentários