ESPORTES ▸ MERCADO

Gustavo entra na mira de clubes da Europa e Brasil, mas Sport prioriza desfecho da Série A

O meia Gustavo tem apenas 19 anos, mas se tornou destaque do Sport nesta Série A - ao turbinar os números da equipe. Não à toa, chamou as atenções no mercado. De volta ao time no duelo desta quinta contra o Bahia, o prata da casa entrou na mira de clubes da Europa e do Brasil e está sob perspectiva de receber novas propostas. O Rubro-negro, no entanto, adota uma postura cautelosa, para priorizar a busca pela permanência no Brasileirão.

- Agora não conversamos. Só depois do campeonato. A permanência é muito mais importante que vender jogador nesse momento - explica o presidente leonino, Yuri Romão.

Ao longo dos últimos meses, o Sport chegou a receber uma proposta do Metalist, da Ucrânia - com valores em cerca de € 2 milhões (aproximadamente R$ 12,8 milhões na cotação atual). Apesar do interesse, o clube europeu não recebeu resposta do Leão.

- Teve uma proposta, mas não sentamos para negociar. A proposta era muito aquém do que a gente quer. Nem comecei a negociar - diz o mandatário.

O prata da casa também tem sido um nome sondado por clubes brasileiros como Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras na Série A. Com o campeonato nacional em andamento - e sem possibilidade de fazer novas inscrições -, as equipes estudam a possibilidade de oferecer propostas no fim do ano. Cenário mais próximo da meta rubro-negra.

- Quando tiver assegurado a permanência, o clube que quiser apresentar proposta, a gente conversa. Não tem problema nenhum - afirma Yuri Romão.

Comentários