CIDADES ▸ MULTIRÃO

Detran participa de mutirão e oferece descontos de até 75% e IPVA em 12 vezes

O Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) irá oferecer descontos de até 75%, parcelamento em até 12 vezes para taxa de licenciamento e Imposto sobre Propriedades de Veículos Automotores (IPVA) no Mutirão Fiscal Fecha Acordo. O evento acontece nesta sexta-feira (01) e é promovido pelo Governo do Estado de Mato Grosso em parceria com o Poder Judiciário.
~
O quitamento das dívidas será possível junto às empresas credenciadas pelo Detran-MT. Também poderão ser parceladas infrações de trânsito municipais, estaduais e federais. Quando ao IPVA e a taxa de licenciamento, ambas podem ou não estar inscritas em dívida ativa.

Outra possibilidade de negociação será junto à PGE-MT, referentes aos licenciamentos dos anos de 2014, 2015 e 2016 já inscritos em dívida ativa.

O diretor de Veículos da autarquia, Augusto Cordeiro, acredita que o desconto de até 75% em juros e multas de dívidas com o Estado associado à possibilidade de parcelamento dos débitos veiculares em até 12 vezes no cartão de crédito vai proporcionar aos proprietários de veículos maior facilidade e comodidade para quitar as suas dívidas.

Mutirão

Os contribuintes com débitos fiscais e tributários, inscritos ou não em dívida ativa, gerados até o dia 31/12/2016, poderão renegociar e quitar seus débitos no Mutirão Fiscal até o dia 29 de novembro, com descontos de até 75% nos juros e multas.

Poderão ser renegociadas as dívidas geradas no âmbito dos seguintes órgãos: Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran), Secretaria de Fazenda (Sefaz), Procuradoria Geral do Estado (PGE), Instituto de Defesa Agropecuária (Indea), Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados (Ager) e Procon.  

Os débitos tributários (ICMS, IPVA, ITCD, entre outros), inscritos ou não na dívida ativa, poderão ser negociados por meio do Refis. Já as dívidas oriundas de multas e taxas do Detran, Sema, Indea, Procon e Ager poderão ser renegociadas por meio do Regularize.

Comentários