POLÍTICA ▸ ELEIÇÕES

Deputado diz que Lula exige que partido tenha candidato contra Mauro Mendes em Mato Grosso

O presidente regional do Partido dos Trabalhadores, deputado estadual Valdir Barranco, afirmou à imprensa nesta quarta-feira (22) que o ex-presidente da República, José Luiz Inácio Lula da Silva, pré-candidato à Presidência, determinou que o partido tenha um nome de peso para concorrer com o governador Mauro Mendes (União Brasil) nas eleições de outubro.

“O presidente Lula quer. Ele tem dito que no Estado em que o governador não passa de 40% [dos votos nas pesquisas], sendo candidato único e mesmo com muito dinheiro, ele não admite que não tenha candidato”, revelou.

A federação entre o PT, PV e PCdoB tem falado no nome da ex-reitora da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Maria Lúcia Neder, para disputar o comando do Palácio Paiaguás.

De acordo com Barranco, na próxima sexta-feira (24) acontecerá uma nova reunião, onde os diretores devem bater o martelo sobre os nomes dos candidatos que representarão a federação. No dia 05 de julho, será feito o anúncio oficial.

"Estamos colocando como limite o dia 5. As chapas proporcionais estão bem alinhadas, tivemos uma boa reunião ontem com a federação, na sexta-feira teremos uma outra reunião que acreditamos que será possível fechar todas as candidaturas ao governo do Estado, ao senado assim como as chapas”, explicou.

O PT chegou a lançar o professor da Unemat, Domingos, como pré-candidato ao Governo. No entanto, ele mesmo se dispôs a recuar, caso outro seja escolhido.

"Está tudo bem adiantado para que o nome seja da Maria Lúcia, inclusive o professor Domingos, em um ato de responsabilidade e compromisso com o projeto, já declarou que se o nome dela for escolhido, ele estará recuando para apoiá-la", explicou Barranco.

O deputado salientou que, assim que tudo for definido, o ex-presidente Lula deve convocar uma reunião com todos para traçar metas e planejar sua vinda para Mato Grosso.

“Definindo, ele já vai convocar todos para uma reunião onde traçaremos algumas metas com a sua participação, inclusive com a vinda dele, que só está aguardando isso para vir para Mato Grosso”, disse.

Comentários