MUNDO ▸ ELEIÇÃO

De Nixon a Trump: quem é Bob Woodward, o cronista dos presidentes dos EUA

Quase meio século depois do escândalo de Watergate, o jornalista Bob Woodward, de 77 anos, continua atuante, colocando os presidentes dos Estados Unidos contra a parede.

Suas reportagens como jornalista do "Washington Post" sobre o escândalo de Watergate derrubaram Richard Nixon na década de 1970. Agora, o último livro de Woodward — "Rage" ("Raiva", em uma tradução livre) — alfineta Donald Trump a menos de dois meses para as eleições presidenciais de 3 de novembro.

Em entrevista concedida a Woodward para o livro, Trump admite que minimizou a ameaça do novo coronavírus no começo da pandemia. A Covid-19 nos Estados Unidos deixou mais de 190 mil vítimas.

"Eu sempre quis minimizar isso", disse Trump em uma conversa com Woodward. "Ainda gosto de minimizar, porque não quero criar pânico".

O republicano afirmou ao jornalista que, desde o início, sabia que o novo coronavírus era "algo mortal" e muito mais perigoso do que uma gripe comum. Ao mesmo tempo, ele dizia em público que a Covid-19 simplesmente "desapareceria".

Comentários