CIDADES ▸ SAÚDE

Crianças são operadas por hérnia e fimose no Hospital Estadual Santa Casa em MT

A poucas semanas do Dia Das Crianças, celebrado em 12 de outubro, o Hospital Estadual Santa Casa realizou um mutirão de cirurgias pediátricas. Com o objetivo de descontrair os pequenos, a unidade hospitalar preparou um ambiente lúdico com carrinhos, personagens animados, enfeites e uma equipe de pedagogas especialmente capacitada para apoiar os pacientes e seus familiares.

Maria Eunice dos Santos, técnica em Desenvolvimento Infantil de uma creche em Sapezal, explicou que o cenário criado pelo hospital foi essencial no atendimento de seu filho, João Gabriel Rodrigues de Souza, de 5 anos. Ele passou pela cirurgia de fimose durante a etapa do mutirão que aconteceu neste sábado (28.09). 

Maria confessa que estava nervosa antes do procedimento; já o filho se encantou pelos “super-heróis” voluntários da Companhia do Sorriso e distribuía sorrisos ao pilotar um carro de brinquedo conduzido pelo Batman. “Eu estava nervosa porque é a primeira cirurgia dele, enquanto ele estava com uma bateria de 10 mil volts brincando e se divertindo. Para ele, está em uma colônia de férias”, contou Maria.

João aguardava há um ano e meio na fila de espera pelo procedimento. Graças ao plano estratégico de atendimentos do Hospital Estadual, foi possível realizar a cirurgia dele e de outras 39 crianças que também esperavam pela cirurgia de fimose ou hérnia. 

O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, explica que objetivo do mutirão é reduzir de forma significativa a fila de espera e, com isso, proporcionar mais qualidade de vida àqueles que aguardam há anos por uma cirurgia.

“Este é um projeto piloto. Estamos desenhando um programa para todos os nossos hospitais regionais, que inclui cirurgia eletiva para atingir um número substancial de cidadãos que estão aguardando na fila de regulação. Em breve, outros serviços do Hospital Estadual Santa Casa também estarão ativos, como as cirurgias pediátricas neurológicas”, informou o gestor. 

O mutirão foi dividido em duas etapas. Dez crianças foram operadas na última sexta-feira (27.09) e as outras 30 passaram pelo procedimento neste sábado. Elas são dos municípios de Barra do Bugres, Carlinda, Chapada dos Guimarães, Sapezal, Cuiabá, Nobres, Nossa Senhora do Livramento, Nova Bandeirantes, Poconé, Santo Antônio do Leveger, Tapurah e Várzea Grande.

Comentários