CIDADES ▸ SUSTO

Avião monomotor faz pouso forçado em pista na cidade de Poconé

O piloto de uma aeronave (Raytheon Beechcraft Bonanza) precisou fazer um pouso forçado de barriga no Aeroporto Municipal de Poconé (102 quilômetros de Cuiabá), após colidir em uma cerca e perder o trem de pouso. O caso aconteceu na manhã desta terça-feira (23). Dentro do avião estava apenas o comandante, que não sofreu ferimentos.
 
O delegado de Polícia de Poconé, Maurício Maciel, foi acionado pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) para verificar um possível acidente aéreo na cidade. Quando chegou ao local, encontrou a aeronave já em solo, mas sem grandes danos.
 
O piloto contou que decolou de Cuiabá, com destino a cidade de Mirassol D’Oeste para buscar o proprietário da aeronave, que é dono de uma fazenda. “Durante o procedimento de pouso, ele colidiu em uma cerca, perdeu o trem de pouso e resolveu arremeter”.
 
O comandante então decidiu retornar para Cuiabá, mas no meio do caminho preferiu descer na cidade de Poconé, já que a pista é de grama. O pouso foi feito ‘de barriga’, já que a aeronave (prefixo PT-WIY) estava sem o trem de pouso. Não houve feridos na ocorrência.
 
Consta no Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB) que a aeronave pertence a Agropecuaria Santa M Marta Ltda – Me e está com situação de aeronavegabilidade normal.

Galeria de Fotos

Todos os Direitos reservados a Poconet Notícias.

Comentários