ECONOMIA

MONITORAMENTO

19/04/2017 às 10:01:13 Enviar Imprimir
Mato Grosso registrou quase 400 casos de sífilis em 2016, diz balanço do SUS
Trezentos e noventa casos de sífilis foram registrados no ano passado em Mato Grosso, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES). Nesse período, também foram registrados 228 casos de sífilis congênita, transmitida da mãe para o bebê. O tratamento da doença é feito com penicilina.

Durante a gestação, a doença pode causar abortos espontâneos, malformação do feto e também pode ser transmitida para o bebê. A sífilis pode ser curada desde que tratada corretamente.

O médico Ivens Scaff explica que a doença é contagiosa e tem três estágios. Sem o tratamento adequado, pode causar problemas neurológicos. “Ela ataca o sistema nervoso central e pode levar até a demência do portador da doença”, afirmou.





COMENTÁRIOS