CIDADES

DECISÃO

11/01/2017 às 11:19:36 Enviar Imprimir
Cidade de Cuiabá expulsa empreiteira que abandonou obra de R$ 2,9 milhões

A Prefeitura de Cuiabá rompeu contrato com a S.O.S Construtora, Comércio e Serviços LTDA - ME, responsável pela obra da Praça dos Esportes e da Cultura , no Bairro Jardim Passaredo. A construção, orçada em R$ 2,9 milhões, deveria ter sido entregue em julho de 2013, porém as obras não foram finalizadas até hoje.

De acordo com decreto publicado no Diário Oficial de Contas desta segunda-feira (9), a Secretaria Municipal de Obras Públicas decide pela rescisão unilateral firmada com a construtora em razão do atraso nas obras. Conforme  o documento,  um relatório técnico produzido pela pasta apontou que a empresa havia paralisado totalmente a obra desde 16 de novembro de 2016.

Cerca de 70% do lugar teria sido construído e desde então a obra teria sido paralisada pela empresa. 

As obras da praça tiveram início em novembro de 2012 e a construção foi idealizada com o objetivo de servir como um espaço de entretenimento, esportes, cultura e lazer para os moradores da Região Sul da Capital. A expectativa era de que 16 bairros fossem beneficiados pela nova construção. 

A Praça dos Esportes e da Cultura foi uma obra do Plano de Aceleração do Crescimento 2 (PAC 2), que teve o Ministério da Cultura (Minc) responsável pelo repasse dos recursos. 

O projeto do espaço apontava que o lugar deveria ter 7 mil metros quadrados. Conforme o planejamento da Praça dos Esportes e da Cultura, o local deveria ter uma sede do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS); salas multiuso; biblioteca com telecentro; Cine Teatro com 125 lugares; pista de skate; equipamentos de ginástica; playground; quadra poliesportiva coberta; quadra de areia; jogos de mesa e pista de caminhada.

Depois da rescisão do contrato com a empresa, a Prefeitura deve analisar as medidas necessárias para que uma nova empresa seja contratada para concluir o projeto inicial da praça.




COMENTÁRIOS