MUNDO ▸ CORTESIA

Presidente cubano anuncia visitas na Rússia, China e Coreia do Norte

O presidente cubano, Miguel Díaz-Canel, realizará uma viagem por países aliados como China, Rússia e Coreia do Norte, além de outras nações asiáticas e da Europa, anunciou o chanceler Bruno Rodríguez nesta quarta-feira (24).

"Confirmo que o presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros de Cuba realizará um périplo que incluirá paradas em China, Vietnã, República Popular Democrática da Coreia e Laos", declarou Rodríguez em resposta à imprensa, mas sem dar datas.

Segundo fontes russas citadas por meios de comunicação cubanos, a visita a Moscou deve começar em 1º de novembro. Rodríguez acrescentou que, "além disso, fará uma escala em capitais da Europa ocidental", sem indicar quais.

Díaz-Canel assumiu a Presidência de Cuba em 19 de abril, em substituição a Raúl Castro. Desde a sua chegada ao poder, visitou Venezuela, Caribe e as Nações Unidas, em Nova York.

O governante cubano já visitou China, Vietnã e Laos em 2013, a Coreia do Norte em setembro de 2015, e a Rússia em 2016, mas na qualidade de primeiro vice-presidente, antes de suceder Raúl Castro.

Rússia, China e Vietnã são importantes aliados políticos e comerciais de Cuba, enquanto com Coreia do Norte e Laos compartilha posicionamentos políticos.

Comentários