POLÍCIA ▸ BANDA PODRE

Policiais Militares de folga matam dono de bar no Zero Km e trocam tiros com colegas

Dois policiais militares que estavam de folga, identificados com as iniciais R.S.F., e A.J.M. (ambos de 37 anos), mataram um dono de bar no Zero Km, em Várzea Grande e foram baleados ao entrar em confronto com policiais de serviço, na madrugada desta sexta-feira (30).

Os acusados foram localizados pelos militares minutos depois de assassinarem o dono do bar Mandala, Claudinei Pereira Mota, 42 anos.

Segundo o boletim de ocorrência, quando os policiais (que estavam em serviço) chegaram no local, receberam a informação de que duas pessoas tinham feito vários disparos de arma de fogo em direção ao dono do estabelecimento.

Após a denúncia, equipes da PM realizaram buscas na região e flagrou uma dupla correndo pela rua. Ao serem abordados, R.S.F., e A.J.M. sacaram as armas, mas foram baleados antes que conseguissem atirar nos policiais em serviço. R.S.F. foi atingido na perna esquerda, A.J.M. na perna direita.

Após serem feridos, eles se identificaram como policiais. Em seguida foram socorridos e encaminhados para o Pronto-Socorro de Várzea Grande, onde receberam atendimento médico.

O dono do bar não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no Pronto-Socorro de Várzea Grande.

O caso é investigado pela Polícia Civil, por meio da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

O Comando da Polícia Militar ainda não se pronunciou sobre o ocorrido.

Comentários