CIDADES ▸ CULTURA

Pantanal Matogrossense terá apresentação da cultura catarinense

Apesar da distância de quase 2.500 quilômetros, a cultura catarinense segue rumo ao Centro-Oeste Brasileiro para levar um dos maiores patrimônios imateriais do Estado de Santa Catarina, o boi de mamão. O Boi Encantado, folguedo teatralizado pelo grupo Encantados Contadores de Histórias, estará na cidade de Poconé, localizada há 100 quilômetros de Cuiabá, no dia 18 de abril em comemoração ao Dia Mundial do Livro Infantil e como parte da programação da Minimaratona de Contação de Histórias promovida pelo Sesc Poconé.

O interesse na cultura catarinense foi despertado pela semelhança entre o Boi de Mamão e o Siriri, uma dança folclórica típica da região e que faz parte das festas tradicionais e festejos religiosos. A dança lembra as brincadeiras indígenas, com ritmo e expressão hispano-lusitana. Assim como no boi de mamão, instrumentos musicais entoam a brincadeira que falam das coisas simples e alegres da vida. 

“O Encantados se sente muito privilegiado por fazer parte deste evento e por ter a oportunidade de levar a cultura do boi de mamão para fora do nosso estado. É uma forma de reconhecermos a diversidade que existe no nosso país, mas também reconhecer as semelhanças que nos unem”, diz Giselle Paes integrante do grupo.

O folguedo do boi de mamão, brincadeira trazida para o Brasil quando ainda colônia portuguesa no início do século XIX, é fruto da mistura de culturas que resultaram em um produto genuinamente catarinense. Somam-se aqui, a dança, a música e o enredo, dos primeiros povos colonizadores do litoral catarinense de origem açoriana, que pelo decorrer do tempo, como acontece naturalmente, sofreu transformações agregando novos elementos e modificando ritmos. 

Boi Encantado vem com a proposta de possibilitar o acesso ao folclore e a tradição do boi do mamão em Santa Catarina, de uma forma lúdica, divertida e diferenciada, bem como, o contato da população com apresentações artísticas de grupos profissionais. Apresentações culturais com a participação efetiva do público têm vistas a proporcionar um ganho qualitativo nas questões sociais, humanas e educativas, melhorando a qualidade de vida da própria comunidade.

Recentemente o grupo produziu o cd Boi Encantado uma história cantada, que apresenta o enredo do espetáculo com audiodescrição, um recurso de acessibilidade voltado para inclusão de deficientes visuais. Este produto que faz parte da Rede de Leitura Inclusiva coloca em pauta os temas da acessibilidade cultural e demonstra que, com estudo e vontade, é possível levarmos o teatro e a contação de histórias também para pessoas com deficiência. 

O grupo também apresentará no centro de Poconé, o espetáculo Sementes Africanas, composto por lendas da tradição oral africana e dança, no Sesc Vai ao Quintal com Minimatarona de Contação de Histórias.

Sobre o Grupo Encantados Contadores
O Grupo Encantados Contadores de Histórias trabalha há 12 anos desenvolvendo projetos e ações nas áreas da cultura, educação e sustentabilidade. Por meio do teatro, contação de histórias, ações educativas e culturais promove e fomenta a cultura local e o intercâmbio artísticos com diferentes profissionais, estimulando a produção cultural local. Presta serviço para diversas empresas e entidades, sempre primando pela excelência na execução, comprometimento com o trabalho e ética profissional com colegas, parceiros e clientes. Para conhecer mais acesse: www.encantados.com.br

Comentários