CIDADES ▸ EXTERMINIO

Justiça Concede liberdade á empresário acusado de homicídio em Poconé

A Justiça concedeu, nesta quarta-feira (10), uma decisão que confirma a soltura do empresário Vanderlei Alves de Lima. O Empresário estava preso há cerca de um ano, acusado de fazer parte de um grupo de extermínio. 

Com a soltura de Vanderlei, ainda seguem presos outros três acusados: Ronicleiton Máximo Pereira, Douglas Diego Borges e Fabien Douglas da Silva que deverão ter o benefício a qualquer momento.

A Justiça entendeu que houve excesso de prazo para manutenção da prisão preventiva do empresário. Na decisão o magistrado destacou que o excesso de prazo em questão deve ser creditado ao moroso e burocrático processo judicial brasileiro; deve-se à falta de funcionários, ao excesso de processos, à falta de estrutura hábil pela qual todos os Magistrados brasileiros estão envoltos.

A revogação de prisão foi concedida mediante a medidas cautelares imposta pela justiça, o réu terá que comparecer mensalmente em juízo para informar e justificar suas atividades, recolher-se em domicílio após as 18h00, proibição de frequentar bares e estabelecimentos congêneres e uso de tornozeleira eletrônica.

Comentários